Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Educar (Com)Vida

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

“No teste não me lembrei disso!!!!”

Os estudantes ficam muito preocupados quando têm de estudar matérias em que existe uma necessidade de memorizar informação, pois sentem que no momento da avaliação poderão não conseguir aceder à informação estudada. No entanto, também sentem dificuldade em definir a melhor forma de estudar para que tal não aconteça. Assim, ficam por cá alguns conselhos do que fazer e do que não fazer, para que aquilo que é estudado permaneça na nossa memória…

teste.jpg

 

“Para essa disciplina nunca estudo!!!”

Diálogo entre mim e estudante de secundário:

 

“Eu: _ Já podes começar a estudar para esta disciplina?

Estudante: _ Sim, mas ainda tenho teste de inglês…

Eu: _ Tens de definir horas de estudo…

Estudante: _ Não, para inglês não vou estudar… não preciso!”

 

Pelo diálogo que aqui descrito, percebem um pouco sobre o que vou escrever, a primazia que alguns estudantes dão a uma disciplina em detrimento de outras.

Esta situação ocorre, com mais frequência quando os alunos têm vários exames e provas marcadas em dias muito próximos e ainda outras formas de avaliação (trabalhos escolares, apresentações, etc.) as quais têm de valorizar e obter bons resultados.

Quando tal acontece estuda-se mais tempo para as disciplinas que sentem ter mais dificuldades, que necessitam de melhorar resultados ou que consideram de maior exigência. Para a realização de uma mera revisão simples ficam outras disciplinas.

Certo é que, em alguns casos os estudantes interiorizam e memorizam tão bem os conteúdos de algumas disciplinas que, com pouco tempo de estudo, conseguem obter bons resultados e sentirem segurança aquando da realização das provas. Mas, outras são as situações em que o pouco tempo de estudo e revisão se reflete na dificuldade de resolução da avaliação e num consequente mau resultado.

Assim, cabe a cada estudante ter a capacidade de se autoavaliar e de definir horários e metas de estudo, de acordo com as suas capacidades e necessidades escolares, não o façam por hábito ou por exemplo de outro…

levar-te.jpg

 

Dicas para fazeres o teu Melhor Teste!

A avaliação a cada disciplina tem como finalidade principal apreciar os conhecimentos adquiridos, após a explicação de cada matéria, e das competência adquiridas através dos processos de aprendizagem realizados.

Uma das formas mais comuns de avaliação são as fichas, com vários exercícios e perguntas, onde está incluída a maior parte da matéria lecionada.

Estas fichas de avaliação que os alunos chamam de Testes têm grande peso na avaliação final, o que exige muita atenção na sua concretização.

 

Ficam aqui algumas dicas

  • Presta atenção aos diferentes tipos de perguntas:
  • Perguntas que recorrem à memorização dos conhecimentos;
  • Perguntas dirigidas à compreensão de textos ou enunciados;
  • Perguntas que exigem a adaptação dos conhecimentos a novas situações;
  • Perguntas dirigidas à análise e decomposição de informação;
  • Perguntas que exigem síntese e critica sobre conteúdos;

 

  • Presta atenção à extensão das respostas:
  • Irão surgir perguntas de resposta curta e outras que exigem respostas mais longas, deves responder de acordo com essa exigência, para não apresentares informação insuficientemente ou descreveres mais do que o necessário.

 

  • Presta atenção aos verbos das perguntas:
  • os verbos ou expressões das perguntas são a chave da interpretarão e da intenção e do que é pretendido na resposta.

 

  • Presta atenção às cotações das perguntas:
  • Algumas escolas têm como prática colocar as cotações em todas as fichas de avaliação e os exames nacionais trazem também todas as cotações explicitas, pela cotação se depreende também o nível de exigência e de desenvolvimento pretendido.

 

  • Presta atenção ao que estão a solicitar:
  • Se apresentam um pequeno texto de apoio à pergunta deves lê-lo com a máxima atenção e fundamentar a tua resposta com um ou mais citações do texto facultado.
  • Existem perguntas com mais do que uma questão, não podes responder apenas a uma delas, porque não receberás toda a cotação.
  • Uma pergunta pode solicitar uma análise complexa de vários conceitos o que exige uma capacidade redobrada na construção da resposta.

dicas.jpg

 

Socorro!!! Tenho muitos testes para a semana!

Muitos são os estudantes que se sentem desorientados e desorganizados, principalmente, quando têm muitas avaliações seguidas. Para esses, ‘o mundo não está perdido’, deixo aqui algumas dicas de apoio e ‘salvação’.

  1. Começa por tomar decisões duas semanas antes do primeiro teste;
  2. De seguida, numa folha, anota todos os dias e horas em que poderás estudar, para que seja o teu cronograma de estudo. Podes seguir o que deixo, em anexo, como exemplo;
  3. Reflete sobre as disciplinas a estudar: quanto tempo para cada e qual a urgência, de acordo com as datas de testes;
  4. Anota tudo isso, tentando intercalar um pouco as disciplinas, para não ficar demasiado cansativo;
  5. Por fim, define o que é necessário estudar: quais os exercícios a resolver, quais as páginas a resumir, qual a matéria a rever…

Por mais que não tenhas vontade, cumpre rigorosamente o teu cronograma. Por isso, não faças um que, há partida, já sabes não irás concretizar!

Se fores tendencialmente preguiçoso/a, pede ajuda a um adulto que te apoie na realização e concretização deste plano!

Bom estudo!

Disciplinas e datas de testes.pdf

datas testes.jpg

 

Novembro:

as primeiras avaliações escolares!

As primeiras avaliações estão a decorrer, o que exigirá de cada encarregado de educação especial atenção, com estas avaliações já se denotam competências, capacidades que, em alguns casos, podem ser comparadas ao ano letivo anterior. Tenha, portanto, especial atenção aos resultados negativos, se tal acontecer em alguma/as disciplina/as deverá dialogar com o estudante.

Se surgirem dificuldades em alguma disciplina procure perceber se será necessário um apoio complementar de explicações, não deixe que a situação permaneça, ou poderá ser cada vez mais difícil obter os resultados desejados.

novembro.jpg

 

Um apoio ao estudo, pouco utilizado!

Tantas são as formas de nos prepararmos para as avaliações escolares, no entanto, existe uma específica que, por vezes proponho, mas que é pouco utilizada pelos estudantes, pelo menos no 1º, 2º e 3º ciclo, esta é a utilização de fichas de avaliação de outras turmas, de outras escolas, de outros colegas ou mesmo dos irmãos.

No início e ao longo do ano, os estudantes podem ter o cuidado de pedir emprestado os Testes de colegas de escola que tenham andado anteriormente no seu ano letivo, essas fichas podem servir de treino e análise de conhecimentos.

Em casa, as famílias podem guardar as fichas de avaliação dos irmão mais velhos, é sempre um apoio extra, no momento do estudo, principalmente, quando não existe muita diferença de idades entre os irmãos. Podem também fazer este pedido a outros familiares ou amigos próximos, muitos familiares ou amigos apoiam também na troca de livros, apontamentos, etc…

Para além destas possibilidade, a internet também é fonte de muita informação e, pesquisar fichas sobre determinada matéria escolar é uma forma simples de recolher exercícios para resolver, alguns podem ser realizados on-line e trazem também correções.

como estudar.jpg

 

Como és avaliado nas aulas?

Muitos estudantes consideram na sua avaliação apenas as fichas de avaliação que realizam, ao longo dos períodos e ao longo do ano, para ponderarem sobre as suas notas finais. Mas, não se podem esquecer que, a participação em aula, a realização dos TPC’s, a demonstração de atitudes e valores, a responsabilidade… tudo isso conta para uma avaliação completa e correta.

Deves levar tudo isto em linha de conta, sempre que pensas na tua avaliação e na forma como desves estar/comportar dentro da escola!

Para melhor compreenderes como és avaliado, a cada disciplina, de uma forma geral e simples, podes ter em conta os seguintes critérios e valores:

avaliação.jpg

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Vencedor:

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D