Com um olhar pluridimensional sobre a EDUCAÇÃO, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida... este é um convite para conversar sobre educação.

23
Out 17

Diálogo entre mim e um/a estudante de secundário:

«Estudante: _ Em Filosofia as respostas estão sempre incompletas…

Eu: _ É verdade, mas existem umas mais completas do que outras, mesmo assim!

Estudante: _ Mas eu não gosto de escrever muito, por isso é que sou de Ciências!»

 

Em qualquer ano escolar é possível encontrar estudantes que apresentem dificuldade em escrever respostas completas e que exijam mais complexidade, que não organizam a resposta de forma coerente e estruturada, que tenham dificuldades em desenvolver corretamente e de forma justificada as reflexões exigidas nas questões.

Esta contrariedade na escrita só se ultrapassa com o treino e o esforço contínuo de leitura e escrita. Assim sendo, ler, escrever, fazer resumos, construir esquemas, no dia a dia e para cada teste, ajudará a ultrapassar tais situações.

Para além disso sugiro também:

 

  • Ter a matéria muito bem estudada;
  • Explicar todos os conceitos da pergunta;
  • Seguir a regra de resposta: introdução, três pontos principais e conclusão;
  • Os textos de apoio às perguntas devem sempre ser incluídos e citados nas respostas;
  • Em folha de rascunho, esquematizar tudo o que deve ser escrito;
  • Reler cuidadosamente após a conclusão do teste.

 

É importante lembrar também que, existem disciplinas que exigem maior capacidade de desenvolvimento da escrita do que outras, como por exemplo a Filosofia ou a História…

escrever.jpg

 

 

publicado por Maribel Maia às 10:53

Agosto 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
15
17
18

19
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
Instagram
@educarcomvida
blogs SAPO