Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Educar (Com)Vida

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

O que estudar nas férias?

Por anos letivos...

Reconheço que os alunos não têm vontade nenhuma de estudar em tempo de férias! Contudo, recordo que o tempo livre é imenso, nas férias de verão e, não serão duas ou três horas, por semana, que irão destruir todo um plano de descanso!!!

Se gostariam de receber orientações, mais concretas, do que se pode estudar nestas férias, basta analisar a tabela seguinte:

estudar_férias.jpg

 

 

O ensino secundário é diferente!

Diálogo entre mim e um/a estudante de secundário:

Eu: _Quando tens de entregar o trabalho?

Estudante: _No final desta semana.

Eu: _ Já tens pouco tempo e ainda muito para fazer!

Estudante: _ Eu sei… e ainda tenho teste de Inglês… Mas eu para Inglês quase não preciso de estudar, portanto vou dedicar-me só a este trabalho, quero uma boa nota!

 

Quando os estudantes iniciam o ensino secundário denotam existirem diferenças nas rotinas e nas aulas, comparando com as suas experiências de ensino básico. Uma grande diferença é um acréscimo de volume de estudo e trabalhos, que exige que os estudantes tenham muita capacidade de organização e que abdiquem, em alguns meses da sua vida social para se dedicarem muito mais ao estudo.

Para além disso, nem todas as disciplinas carecem do mesmo tempo e do mesmo empenho, algumas disciplinas exigem que o estudante recorra a explicações, sempre que necessário, outras pela facilidade do estudante em percebe-las, requerem menos dedicação, mas sempre na procura de boas avaliações.

Uma exigência acrescida é a necessidade de assistir a todas as aulas porque, faltar às aulas neste grau de ensino pode prejudicar o acompanhamento da matéria, já que a quantidade de informação recebida por aula é, de facto, bastante.

Outras das grandes diferenças é a forma como os professores ensinam, procurando tornar os alunos mais independentes no estudo, de forma a iniciar uma preparação para o que será o ensino superior, com a necessidade de muito mais autonomia e competência no estudo!

Estudantes de secundário: estudem regularmente, organizem bem as vossas rotinas e valorizem a importância das médias… sem esquecerem que se aproximam os exames nacionais….

levar-te.jpg

 

Prepara-te para uma Apresentação Oral com a Autoscopia!

Uma das práticas correntes das nossas escolas é solicitar aos estudantes que realizem uma apresentação oral sobre um determinado tema, por exemplo, um livro, um filme, um assunto…

Para tal, podem utilizar alguns materiais didáticos como os projetores, distribuir informação aos colegas, etc.

Para estas apresentações orais é necessário que o estudante tenha bons conhecimentos do que está a explicar e que tenha boa capacidade de comunicação, para enfrentar toda a turma e, simultaneamente, ser avaliado pelo professor.

Para os estudantes mais inseguros e com mais dificuldades, deixo a sugestão:

  • antes destas apresentações devem fazer, em casa, vários treinos em autoscopia. A autoscopia é uma metodologia que propõe uma simulação de apresentação oral filmada, para seguidamente ser analisado o vídeo, pelo próprio, ou por outros, para refletir e melhorar as competências em comportamento e verbalização, potenciando uma autoaprendizagem. Assim, o estudante pode avaliar-se e refletir com outras pessoas sobre a sua postura e situações a melhorar, tornando-se mais seguro no momento da Apresentação…

f1e14f7d8189723672761e6325087b25.jpg

 

Bem vindo à escola – pequenas, grandes dicas (Parte II)

Em termos práticos… não deixem a compra dos materiais para o último dia, nem procurem comprar tudo o que é passível de ser necessário… as solicitações de material chegam sempre com antecedência, por parte do professor e por norma são bastante específicas, podendo não se encaixar com o já adquirido.

Não optem por comprar material caro, pois os estudantes acabam por estragar, por mil e uma razões… nem cedam aos constantes pedidos de material novo, para que aprendam a zelar o que têm e para que valorizem gastos e investimentos.

Para os estudantes, a partir do 5º ano, é importante associarem ao material escolar uma capa de micas para poderem guardar fichas e testes de todas as disciplinas. Assim como, a aquisição de uma Agenda escolar onde devem assinalar todas as datas importantes, como entrega de trabalhos, datas de testes, avaliações recebidas e início/fim de períodos letivos.

Bom Ano Escolar!     

images (16).jpg

 

Dicas para os Exames Nacionais

Vamos dar início ao último período de aulas e, para os estudantes a partir do 9º anos de escolaridade, surge um novo desafio, os Exames Nacionais.

Este é o momento certo para deixar por cá as dicas e orientações para a preparação e para o dia do Exame:

Antes do Exame:

  • Deves comprar um livro de Preparação para Exame das disciplinas a que serás proposto para começares a realizar os exercícios, podes também optar por recolher todos os exames de anos anteriores na internet e resolver, procura sempre as soluções para corrigir e rever dúvidas;
  • Agenda as datas de cada exame estabelece dias e horas de estudo que tens de cumprir à risca;
  • Procura apoio de um/a Explicador se sentires que precisas desse apoio;

No dia do exame:

  • Os exames têm uma duração entre 120 minutos a 150 minutos mais 30 minutos de tolerância que poderás usar.
  • Deverás escrever de acordo com o novo acordo ortográfico, pois os erros serão descontados;
  • Faz-te acompanhar de uma caneta azul e uma preta, sendo que não poderás utilizar corretor;
  • Chega à sala 30 minutos antes do exame, pois a chamada será realizadas 15 minutos antes do exame;
  • Poderás utilizar uma folha de rascunho que ajuda muito a organizar ideias e a construir texto ou cálculos;
  • Para os estudantes do ensino secundário dos cursos científico-humanísticos as Classificações Finais das Disciplinas (CFD) das disciplinas sujeitas a exame nacional são calculadas com base na seguinte fórmula: CFD = (7*CIF+3*CE)/10,

Para te ajudar, em anexo, tens uma tabela com a média entre a avaliação da disciplina junto com a avaliação do Exame Nacional.

 

médias exame.jpg

 

Se tiveres mais dúvidas consulta este site: http://uniarea.com/exames

No 1ºciclo, o que devem eles aprender!?

Quando as crianças vão para o 1ºciclo (1ºano) tudo é novidade para crianças e pais, o material a comprar, as disciplinas a estudar, os trabalhos de casa, tudo são novidades diárias.

Estas novidades podem deixar a família apreensiva no apoio ao estudo e a questionar-se sobre a matéria lecionada na escola, o que é, sem dúvida, uma preocupação legítima e fundamentada, pelo facto de que o 1ºciclo (primeiros quatro anos escolares) é base fundamental para consolidar conhecimentos essenciais para todo o percurso escolar seguinte.

No 1º ciclo há que aprender a ler correta e fluentemente, desenvolver conhecimentos de cálculos e resolver problemas naturalmente, alargar conhecimentos da sociedade, do meio ambiente e da saúde, elementares para toda a vida pessoal e escolar, futura.

No auxílio desta aprendizagem está a grande capacidade de memorização e concentração das crianças, nestas idades, aliado à vontade de aprender e desejo de saber. Por conseguinte, cabe aos educadores estimular e incentivar esta aprendizagem, de forma a construir, ao longo destes primeiros quatro anos, uma boa preparação para a transição para o 2ºciclo, onde a criança se depara com uma escola diferente e métodos de ensino diferentes e, quanto mais sólidos forem os conhecimentos já adquiridos mais fácil será a assimilação de novas aprendizagens. 

frase1.jpg

 

Como preparar para o 1º Ano escolar?!

Neste Post irei escrever sobre o prometido, respondendo à questão: qual será a melhor forma de preparar uma criança para este desafio? 

Na minha opinião esta preparação deve iniciar-se nos anos anteriores permitindo apenas que a criança brinque… e como já aqui referi, ‘brincar é uma coisa muito séria’, é através do ‘faz de conta’… da imaginação… da criatividade…. dos legos… das bonecas… das comidas improvisadas… que o cérebro se desenvolve e se estrutura, que a criança experimenta novas competências, se confronta com novos desafios, emita situações que viu ou vivenciou e se prepara para os novos desafios escolares.

Alguns pais podem pensar na hipótese de ensinar a ler, escrever, contar antes de começar as aulas… pensando que assim será mais fácil a aquisição de conhecimento e, assim, tornar-se rum processo mais familiar… posso assumir que não concordo com tal situação pois, se a criança está na sala de aula a aprender o que já sabe torna-se desmotivada e desinteressada… é necessário uma motivação constante pelo processo de ensino/aprendizagem que, nestas idades, está já patente.

Certo é que, algumas crianças conseguem desenvolver a capacidade de leitura e escrita sem nenhum apoio direto de um adulto, antes da idade escolar, levada apenas pela curiosidade individual… nesta situação, os pais, devem conversar com o professor da criança, para esclarecer a situação e pedir orientações, se necessário!

No próximo Post escreverei sobre os primeiros dias de aulas...

aprender-a-ler.jpg

 

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Vencedor:

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D