Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Educar (Com)Vida

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Ambições escolares…

Diálogo entre dois estudantes de secundário:

«Estudante1: _Tens tempo, logo….

Estudante2: _ Não sei…ainda tenho de estudar matemática!

Estudante1: _Ainda vais estudar, hoje, matemática?

Estudante2: _ Claro, estou a estudar uma hora, todos os dias… a matemática tenho mesmo de subir a nota!»

 

Quantas vezes os estudantes só tomam decisões, mais claras quanto ao estudo, após o confronto direto com avaliações baixas ou negativas? Muitas vezes a motivação para o estudo fica no limiar entre aquilo que eles próprios consideram bons ou maus resultados…

Existem os estudantes que, a partir da avaliação positiva (3 ou 10) já assumem o esforço compensado e suficiente para resultados desejados, mantendo esse mesmo esforço e dedicação, até que os resultados baixem…

E, existem os estudantes que, definem como boas avaliações apenas aquelas que se aproximam da nota máxima (5 ou 20) realizando um esforço constante na conquista destes resultados, frustrando-se quando obtêm valores mais baixos do que esses, mesmo que, por vezes, mantenham notas positivas….

Até na formação, o conceito de ambição e satisfação pessoal é diferente de pessoa para pessoa, de aluno para aluno… esta posição na vida faz parte de uma personalidade individual, pode manter-se assim ao longo da vida, ou pode alterar-se radicalmente, se algo espoletar tal mudança. O que significa um sossego para muitas famílias e um desespero para tantas outras…

Para tal, o(s) Sentido(s) da Escola pode contribuir em muito para tal mudança… irei escrever sobre isso na próxima publicação!

futuro.jpg

 

As pessoas (quase)invisíveis…na escola….

As pessoas que trabalham como auxiliares da ação educativa estão presentes em todas as escolas, têm papeis importantes e fazem parte desta comunidade escolar que educa. Mas, tais profissionais nem sempre são valorizados, as famílias esquecem-se da existência destes zeladores e os estudantes, muitas vezes, olham para estas pessoas, mais como inimigas, do que como amigas e isso não é o mais correto.

Por vezes até aconselho às famílias, cujos filhos estão prestes a mudar de escola, para irem ao novo estabelecimento de ensino com o estudante, conhecerem o espaço e conversar com as pessoas que lá trabalham, estes auxiliares de educação podem ser também um apoio à integração escolar, tão importante como outros profissionais.

Vamos ensinar as crianças e jovens a respeitar e a valorizar o trabalho de todas as pessoas pertencentes à escola, papeis que tantas vezes passam despercebidos aos nossos olhos, mas que muito sentimos quando faltam!

escola.jpg

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Vencedor:

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
Blogs Portugal