Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Educar (Com)Vida

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Na escola: o que os diverte?!

A escola é um espaço social de excelência para os alunos, nos recintos escolares vivem-se milhares de novas experiências por dia, entre as várias horas de convívio e aprendizagem. A maioria dos estudantes olha a escola como trabalho e obrigação, tanto de aprendizagem como de estudo e, por isso, não assumem que a escola é divertida. No entanto, muitas situações relativas a este contexto trazem alegrias e entusiasmo, senão vejamos:

  • Os recreios de convívio e brincadeira são olhados com enorme entusiasmo, assim como os ‘furos’ por falta de um professor;
  • A compra e organização do novo material escolar, escolhido metodicamente, no início e ao longo do ano letivo;
  • As visitas de estudo, que entusiasmam só pelo facto de poderem andar de autocarro e pelo lanche repleto de guloseimas;
  • Levarem roupa nova, ou equipamentos novos para a escola, que mostram aos amigos e ficam por muito tempo a conversarem sobre isso;
  • As amizades e os namoros que deixam saudades em tempo de férias e fins de semana;

Um espaço tão complexo, só poderia trazer sentimentos e emoções, também eles, bastante complexos… quantas alegrias guardamos nós dos tempos de escola!!???

 

escola.jpg

 

‘Vou fazer o trabalho no ChatGPT’!!!

A Inteligência Artificial é um tema debatido há anos, que volta a ficar com maior evidência volta e meia… novas descobertas, novas estratégias… colocam novas questões à sociedade atual. Estas questões são transversais a todas as pessoas, portanto, alunos e professores não passam sem estas influências.

Hoje decidi trazer uma destas situações, pela força das evidências! Os alunos, ultimamente, dizem-me que vão fazer ‘o trabalho com o ChatGPT’ e afirmam que os professores não sabem o que é!

Esta ingenuidade de quem considera que encontrou a solução para muitos dos seus problemas escolares, coloca - a nós adultos/educadores - outros enormes problemas éticos e reflexivos:

 Como avaliar os trabalhos realizados pelos alunos se eles não os executaram?

 Como ensinar a utilizar, de forma correta, ferramentas de pesquisa, se outro equipamento procura por eles?

 Será que toda a formação poderá ser facultada pela Inteligência Artificial?

 Será necessário repensar todo o conceito de educação/formação, desde os métodos de ensino até às formas de avaliação?

São muitas as questões que me inquietam, nesta sociedade em plena mudança e em ritmo de mudança alucinantemente rápido!

Aproveito para deixar uma pequena amostra do que este dito ChatGPT escreve sobre educação, ‘em jeito de’ Educar(com)Vida!

ChatGPT.jpg

 

 

A família fiscalizadora

Alguns estudantes apresentam, desde os primeiros anos de escola, uma grande responsabilização pelas tarefas escolares, pela organização do estudo e do material escolar. Outros estudantes vão desenvolvendo estas competências, ao longo dos anos letivos, de acordo com o seu próprio crescimento e desenvolvimento e com algumas orientações familiares e escolares…

E ainda, outros estudantes, apresentam-se sempre algo mais descuidados, despreocupados com as solicitações escolares e com preguiça para tais responsabilidades. Para esses, a família terá sempre de ter um papel mais controlador e fiscalizador, procurando educar para uma responsabilidade pessoal necessário, não apenas em contexto escolar, como nos mais variados contextos sociais, presentes e futuros.

 Assim, esta forma de fiscalização, que mais não é do que uma orientação constante e ativa, para confirmar que um dos principais papeis, de quem cresce está a ser bem concretizado, deve passar por:

  • Rever os cadernos escolares a cada semana ou quinzenalmente, para que tenham as matérias em dia, sumários escritos, tudo organizados e cuidados;
  • Apoiar no agendamento das datas de avaliações e esquematizar tempos de estudo;
  • Verificar se foram realizados todos os TPC’s, recorrer aos cadernos, onde estes estão anotados, para confirmar a existência, ou não destes;
  • Controlar as horas de estudo efetivo, como sabemos, muitos estudantes estão sentados na secretária e apenas ‘fingem’ estudar;
  • Definir e corrigir exercícios de estudo, sempre que necessário;
  • Fazer perguntas sobre a matéria a estudar para o teste, confirmando a clareza do estudo;
  • Marcar, com o Diretor de Turma reuniões individuais para se inteirar do comportamento e empenho do estudante;
  • Controlar descanso, alimentação e hábitos de vida saudável que apoiem a crescimento e desenvolvimento…

familia (1).jpg

 

Formação contínua para trabalhadores, um direito e uma obrigação!

Todas as pessoas que, assiduamente, leem este blog, sabem o quanto é importante manter uma aprendizagem ao longo da vida, é preciso estarmos sempre atualizados sobre a evolução do mundo, seja a nível pessoal ou a nível profissional. Assim, e dando continuação ao artigo anterior aqui fica mais uma nota:

Relembro que, cabe à entidade patronal oferecer formação contínua aos seus colaboradores, como forma de apoiar este desenvolvimento contínuo.

Portanto, pela atual Lei Portuguesa, todos os trabalhadores têm direito a, pelo menos, 40 horas de formação contínua por ano, facultadas pela entidade patronal (Lei nº 93/2019 artigo 131º, do Contrato de Trabalho).

Ainda, de acordo com esta legislação, os conteúdos desta formação deverão ser, de preferência, acordadas entre as partes e que, auxiliem a trabalho desempenhado.

«Os temas da formação devem ser os seguintes:

  • Formação relacionada com a atividade prestada pelo trabalhador;
  • Tecnologias de informação e comunicação;
  • Segurança e saúde no trabalho;
  • Língua estrangeira. » (In: https://www.economias.pt)

adultos (1).jpg

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Vencedor:

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
Blogs Portugal