Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Educar (Com)Vida

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Sabe que o seu filho tem contas ‘só para friends’ nas redes sociais?

Diálogo entre mim e um/a estudante de 3º ciclo:

«Eu: _Afinal quantas contas de Instagram tens?

Estudante: Só tenho duas… uma oficial e outra para os ‘friends’…há quem tenha mais!

Eu: _Para que precisas de duas contas?

Estudante: _Há coisas que só quero partilhar com os amigos»

 

Com o passar dos anos e pelas conversas que tenho com estudantes, tenho percebido que os gostos pelas redes sociais são enormes, mas que não são iguais às dos adultos eles, por exemplo, não gostam de facebook e utilizam bem mais o instagram, o que mais gostam de partilhar são fotos individuais ou com amigos e estão horas em conversas, através destas redes.

Como eles partilham muitas coisas que consideram privadas, tanto em comentários com em conversas, acabam por criar uma ou mais contas, para além das que são conhecidas pelos pais e demais familiares.

Nós sabemos que todos os pais vão às contas dos filhos, muitas vezes até têm as passwords, estão atentos às publicações e às amizades, é claro que, eles também sabem… por mais que isso seja feito de forma muito discreta! Então, criam uma nova conta, onde selecionam muito bem as amizades e onde partilham coisas que consideram mais privadas, como amizades, namoros, situações que acontecem na escola, ou no grupo de amigos.

Nesta(s) outra(s) conta(s) não precisam de apagar conversas, nem comentários, como fazem nas contas ditas ‘oficiais’, e tornam-na um ‘quase diário sagrado’ onde só chega quem querem.

Esta situação não me parece alarmante, no entanto, as famílias devem estar atentas às redes sociais ‘ditas oficiais’ e devem também estar alerta para estas práticas comuns… sempre com grande descrição e com respeito pela privacidade, pela qual eles tanto lutam!  

jovens (1).jpg

 

O precioso caderno diário

No inicio do ano letivo os estudantes perdem tempo a escolher e, muitas vezes, a personalizar os seus cadernos diários. As famílias fazem quase todas as vontades e permitem que seja tudo ao gosto do estudante.

Após começar o ano letivo, os cadernos diários têm de ser, diariamente, selecionados e colocados na mochila, neles serão escritos sumários, matérias, exercícios e TPC’s… alguns cadernos duram o ano letivo todo, outros são, várias vezes, substituídos por novos, sempre que se chega ao seu final.

Este caderno diário é muito importante e necessário a cada disciplina, não o ter na sala de aula pode refletir-se numa falta disciplinar ou de material.

No entanto, não é apenas por tudo isto que eu considero estes cadernos preciosos! A grande maioria deles comporta os resumos e esquemas das matérias lecionadas, as melhores e mais simples explicações sobre o que se aprendeu está ali…

São as orientações dos professores, são informações que auxiliam o manual da disciplina. Este caderno diário é de grande preciosidade no momento do estudo ou no esclarecimento de dúvidas, embora muito alunos o deixem fechado nos momentos mais importantes do estudo.

Assim, anota os cuidado a teres com o teu caderno diário:

 

  • mantém-no com boa apresentação e organização;
  • Usa cores e uma letra bem legível, para ser agradável quando o usas;
  • Coloca sempre os sumários e as datas para te orientares;
  • Aponta tudo o que considerares importante na aula;
  • Regista tudo o que o professor propõe;
  • Aponta as páginas dos exercícios e o número;
  • Aponta sempre o TPC’s para não esquecer;
  • Escreve os objetivos da avaliação ou as páginas do manual que é necessário estudar;
  • Faz separadores para cada Período escolar;
  • Compra outro caderno de substituição, sempre que estejas a utilizar as últimas 6 folhas;
  • Recorre a ele para confirmares de tens TPC’s ou não.

quadro negro.jpg

 

Regras para as aulas Online

Quem, por cá visita, propôs que eu escrevesse sobre as regras e cuidados a ter quando estamos em formação online. Uma vez que, é esta a realidade que nos surge devido ao atual estado de pandemia.

Cá ficam algumas dicas:

Sempre que for possível, os estudantes devem ter um computador (porque alguns documentos não abrem corretamente no sistema android) com uma boa rede de internet, para não verem as suas sessões de estudo constantemente interrompidas.

Estar a ter aulas em casa, não é o mesmo que estar em férias, portanto, existem regras básicas que devem ser seguidas, como vestir roupa adequada, ter a webcam ligada e o microfone desligado, mantendo sempre a máxima atenção.

O lugar de aprendizagem deve estar bem definido, de preferência deve ser um espaço que permaneça em silêncio e sem acesso a outras formas de comunicação, como por exemplo a tv.

Tudo aquilo que os professores solicitam para o estudo complementar deve ser realizado, mesmo a visualização de um vídeo, ou o estudo de algumas páginas do manual… algo que sei, muitas vezes é ignorado…

Os trabalhos são para serem realizados individualmente e não partilhados entre os alunos, os prazos de entrega têm de ser respeitados diariamente, pois só assim conseguirão uma aprendizagem real e efetiva.

estudo_online.jpg

(Imagem retirada da internet)

Crianças e jovens em casa a estudar….

Alguns cuidados

O 3º Período entrou no seu último mês, as rotinas já estão instaladas e desenvolveu-se o hábito de estudar em casa, de forma mais autónoma e privada. No entanto, temos de continuar a manter alguns cuidados nos hábitos dos nosso estudantes pois, este estudo em casa, em frente aos ecrãs, podem trazer situações de desmotivação e desalento.

Hoje, deixo uma lista de cuidados mais gerais que, embora a maioria das famílias estejam atentas, deve sempre ser recordada e lembrada:

 

  • É necessário manter o exercício físico, pelo menos três vezes por semana;
  • Como estudam com ecrãs, sempre que possível devem deixá-los e descansar a visão, fazendo outras atividades longe deles e longe das TV’s;
  • Manter regras alimentares, os açucares não devem estar disponíveis para consumo diário;
  • As horas para deitar e levantar devem ser exigência indiscutível;
  • O apoio nas tarefas domésticas deve estar incluído nas rotinas;
  • Os cuidados com o uso da internet e os seus perigos devem ser lembrados e reforçados;
  • As atividades extra curriculares que se mantêm online devem ser incentivadas;
  • As conversas em família devem se manter presentes...

estudoemcasa-partilha (7).jpg

 

Até o mais pequenino Ser merece respeito!

(continuação do diálogo anterior)

Diálogo entre mim e um/a estudante de secundário:

«_ Eu: Quando é que perdeste ‘o fio à meada’ na matemática?

_Estudante: Para aí no 7º ano… eu sei que sou muito sensível, quando me chamam nomes e assim.. eu não fico bem… e a minha professora dizia-me ‘não sabes isso, és mesmo burro/a… eu ficava com nervos… pior…»

_ Eu: Essas coisas também não se devem dizer, nem aos alunos, nem aos colegas de escola!»

 

A segunda reflexão sobre este diálogo perceberam que é sobre o respeito entre alunos e professores e os cuidados que os professores devem ter quando ensinam.

Confesso que é, para mim, um tema que me inquieta de forma pessoal… não gosto que destes ataques pessoais aos estudantes… não gosto de ouvir, nem de saber que aconteceu… essas e outras formas de humilhar quem está a aprender deixa-me o coração inquieto…

A maioria das crianças bloqueia, se os outros criticam ou humilham, logo não vão aprender mais nada nas próximas horas… Um jovem perde a vontade, a concentração e o entusiasmo pelo conhecimento, da mesma forma.

Na minha opinião, nenhum professor deveria seguir este caminho enquanto ensina, e eu sei que, tantas vezes se torna difícil passar a mensagem…

Não existem crianças ‘burras’, nem com qualquer outro sinónimo… existem crianças que precisam que não desistamos delas… que se adapte a forma de explicar sempre que é necessário…. Que se ensine com mais tempo e mais disponibilidade… que se desenvolvam outras estratégias e outros métodos…. Que se insista com calma e tranquilidade… Que se volte atrás, sempre que necessário…

vida.jpg

 

Farmácia Familiar

Ter em casa uma pequena Farmácia, ou uma Caixa de Primeiros Socorros é imprescindível no dia a dia de qualquer pessoa, mais ainda quando se tem em casa ou como visitas constantes  crianças ou jovens. Assim, em caso de urgência mantenha sempre um conjunto de material hospital, dentro do prazo de validade, em lugar fresco, protegido do sol e longe do alcance das crianças mais pequenas.

Para além disso, deixo aqui algumas propostas de utensílios essenciais a guardar na vossa Caixinha:

Caixa 1Socorros.jpg

Atualmente podemos adquirir estas Caixas de Primeiros Socorros em qualquer superfície comercial, contudo, alguns utensílios necessários poderão não estar presentes, portanto poderá incluir aqueles que considere necessários à família, construindo uma Farmácia Familiar personalizada!

Educação Rodoviária: cuidados em bicicleta

Se, de um modo geral todos devemos ser educadores, neste vasto conceito de Educação Rodoviária, em situações mais concretas, essa educação pauta-se por atitudes de simples cuidados e atenções. Quase todas as crianças adoram ter uma bicicleta, um skate, ou uns patins para poderem andar e brincar, contudo o uso desses transportes exigem cuidados especiais particulares.

Ora vejamos:

  • Antes de utilizar o transporte, realizar uma revisão para verificar se nada está em mau estado;
  • Procurar jardins e parques fechados, evitando a proximidade de automóveis;
  • Usar capacete, joelheiras e cotoveleiras para proteção;
  • Não circular próximo de veículos estacionados, pois poderão abrir portas;
  • Manter a atenção a quem circula no mesmo espaço (pessoas e animais);
  • Evitar acrobacias ou fazer corridas;
  • Ter em atenção os pisos escolhidas, evitar folhagem, pedras ou água…

 

Que cuidados mais o leitor propõe que acrescentemos?

bike.jpg

(imagem retirada da internet)

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Vencedor:

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Blogs Portugal