Com um olhar pluridimensional sobre a EDUCAÇÃO, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida... este é um convite para conversar sobre educação.

21
Jan 19

Cada vez mais a sociedade convida a que crianças e jovens tenham variados desafios, serem os melhores na escola, praticarem variadas atividades e passarem grande parte do tempo a estudar. Por entre as exigências destes horários, que tempo restará para que as crianças decidam, reflitam, manifestem os seus gostos e desejos?

Os vossos estudantes vão a pé comprar pão? Decidem qual a roupa a vestir? Responsabilizam-se por tarefas domésticas? Definem horas de estudo? Sabem como estudar e o que estudar? Considera que ele já tem idade para tomar algumas decisões?

Estas são apenas algumas das questões que me ocorrem e que me parecem pertinentes para auxiliar a reflexão deste tema: Autonomia.

A autonomia é um processo relacionado com o desenvolvimento emocional e caracteriza-se pela construção e consciência do seu próprio EU (self). O desenvolvimento desta complexa competência irá permitir que a criança/jovem consiga realizar escolhas conscientes e sensatas, ter preferências, decidir, apontar critérios e reflexões para as suas escolhas e desejos.

Poderemos auxiliar neste desenvolvimento autónomo? Algumas dicas no próximo Post!

Frases inspiradoras (1).png

(imagem retirada da internet)

publicado por Maribel Maia às 10:59

27
Dez 18

Viver é aprender, seja nos bancos da escola ou nos caminhos da vida, por essa razão o provérbio “Burro velho não aprende línguas” está completamente ultrapassado! Nunca devemos virar as costas ao saber, nem inibir a vontade de conhecer que todos temos.

Por isso devemos lembrar a importância do conceito: Aprender ao Longo da Vida… Assumir que a educação não se pauta apenas pelos primeiros anos de vida, e que a educação ao longo da vida é uma realidade, não apenas confinada à educação formal, mas também presente na educação não-formal e informal, sublinha-se a ideia de que todos os contextos da vida adulta, pessoal, social e profissional contribuem para desenvolvimento integral do ser humano. O proporcionar e refletir sobre momentos de educação e formação de adultos torna-se, por esta razão, cada vez mais, uma motivação para os entendidos na área da educação.

Na sociedade atual podemos assistir a mudanças aceleradas em vários sectores, principalmente ao nível das tecnologias, colocando os indivíduos perante uma grande diversidade de novos problemas e de novas complexidades que exigem, a jovens e adultos, novas competências e novos saberes para uma adaptação constante ao mundo, estas exigências e tantas outras, que a sociedade nos empele devem ser olhadas como desafiantes e motivadoras, das quais conseguiremos retirar-lhes o melhor partido, uma vez que cultivamos o nosso espírito crítico e uma análise reflexiva permanente.

Imagem relacionada(Imagem retirada da internet)

publicado por Maribel Maia às 10:40

31
Out 18

Aos poucos e poucos esta festa importada, chamada Halloween começa a crescer nas ruas das cidades deste Portugal, mesmo que eu ainda não esteja habituada, basta sair à rua ao final do dia para sentir as diferenças… algumas casas já têm objetos alusivos ao momento, crianças grandes e pequenas passam pelas ruas na procura da ‘doçura ou travessura’… os rostos alegram-se pelas gomas, rebuçados e chocolates que, passo após passo enchendo o saquinho.

Se eu nem sair de casa sei que o Halloween me bate à porta… bem cedo, porque juntos surgem pais e crianças (algumas de colo) todos/as procuram as mais doces ofertas, com supervisão atenta.

Com cuidado e atenção podemos respeitar este fenómeno da globalização. Se as crianças andam cedo, acompanhadas, se as travessuras não excedem brincadeiras sem prejuízos, então, este Halloween pode trazer algo de bom: novas aprendizagens sobre outros costumes, capacidade de conversar com outras pessoas, de várias idades e de várias atitudes… experimentar a resposta de sim ou não, com a mesma alegria de quem se aventura… a partilha dos doces e a experiência de novas amizades… tudo ensina a crescer!

Por tudo isto, que seja um excelente Halloween!!

 

Imagem relacionada(imagem retirada da internet)

 

publicado por Maribel Maia às 10:35

16
Out 18

Para os psicólogos as brincadeiras do ‘Faz de Conta’ (Jogo Simbólico) permitem um melhor desenvolvimento infantil, no que diz respeito à evolução: afetiva, cognitiva, motora e social.

Resumidamente o Jogo simbólico promove:

  • A capacidade de planear e de imaginar situações lúdicas;
  • A comunicação com o mundo do adulto, no qual adquire controle interior, autoestima e confiança em si mesma,
  • O exercício da sua imaginação;
  • A construção do mundo real, com os seus valores e ideias;
  • A capacidade de imitar, imaginar, representar sem medo da imposição do adulto;
  • A possibilidades de entrar no mundo adulto;
  • A capacidade de resolver problemas do presente e do passado;
  • Projeções para o futuro;

Estas brincadeiras de ‘Faz de conta’ podem ser uma forma de promover um contacto mais próximo do adulto com a criança que, de forma pedagógica, o educador poderá ajudar a reorganizar estruturas mentais e emocionais com tais Jogos.

É de sublinhar que ao brincar, a criança pode reviver situações que lhe causem algum desequilíbrio emocional, possibilitando a compreensão da situação em que vive e a reorganização de suas estruturas mentais.

jogo simbolico.jpg

(imagem retirada da Internet)

publicado por Maribel Maia às 11:00

03
Out 18

Quantos pais referem que as crianças deveriam nascer com ‘livro de instruções’, que por mais que tentem educar os filhos da mesma forma eles apresentam carácter e características muito diferentes, que se transformaram muito na adolescência, ou que ao longo dos anos eles mudaram bastante!!!???!!

E a verdade é apenas uma, não existem elixires como soluções únicas é infalíveis para educar, no pleno sentido da palavra…

Contudo, depois de muito ouvir, pesquisar e refletir, posso deixar algumas breves propostas, que são muito particulares enquanto opinião própria de quem convive com crianças, adolescentes e jovens há já alguns anos… e claro, com os respetivos pais/educadores deles, numa aflição constante, de quem anseia pela felicidade de quem cresce! 

 

  • Ensinar, desde tenra idade, a resolver problemas;
  • Procurando não interferir muito nas ações dos jovens, procurar estar sempre presentes e atentos;
  • Apresentar um apoio pronto, sempre que necessário;
  • Encarar as situações num sentido positivo;
  • Educar, tendo em conta as especificidades de cada indivíduo;
  • Não alimentar as preocupações em demasia;
  • Ensinar os jovens a dizer ‘Não’;
  • Usar a palavra como ato primordial;
  • Mantenha a hora de jantar como convívio familiar onde todos se escutam;

Para finalizar, é importante lembrar que na adolescência é característica normal que se procure voltar um pouco ao tempo de infância, procurando o carinho e a atenção de outras idades. E sublinhar que, embora se diga muitas vezes o contrário, os adolescentes sabem ouvir e gostam de o fazer.

Algum exemplo ou proposta, para ajudar na reflexão?

 

jovem.jpg

publicado por Maribel Maia às 10:22

19
Set 18

Por várias vezes, neste blogue, partilhei pequenas imagens com incentivos para as crianças.

A psicologia positiva, a atitude motivacional de quem educa apresenta-se como sendo muito importante para tornar crianças e jovens mais confiantes e conscientes de si, o apoio nas dificuldades, as demonstrações de confiança e o reconhecimento do esforço é muito importante no crescimento e na aprendizagem!

Para ajudar nestas atitudes positivas e de alento deixo, em anexo, novos incentivos… basta imprimirem e oferecerem ao estudante, de acordo com a intenção ou com o reconhecimento que pretende realizar!

Depois de experimentar verá que, muitas vezes, bastam pequenas atitudes para a mudança, não é necessário dispendiosas prendas ou grandes negociações…. E tudo isto também faz parte da Educação!

incentivo1.jpg

 

incentivo2.jpg

 

incentivo3.png

(Com imagens retiradas da ineternet)

 

publicado por Maribel Maia às 10:21

14
Set 18

37.jpg

 

 

publicado por Maribel Maia às 09:48

07
Set 18

Porque as novidades não param, por estes lados, hoje inauguro uma nova rubrica neste Blogue, assim, todas as semanas teremos um Post com uma frase inspiradora para nos ajudar a refletir para, por um momento, lembrarmos a importância das particularidades de educar, crescer, aprender, entender… Hoje é o primeiro …Com Vida…

Espero que seja do agrado de quem gosta de visitar este Educar(Com)Vida!

36.jpg

 

publicado por Maribel Maia às 09:39

26
Jul 18

Hoje é dia dos Avós, aquelas pessoas de sabedoria intemporal que educam as crianças com a calma de quem sabe que demorará a crescer…. Com o carinho de amor incondicional…. E com a alegria de quem volta a reconhecer o valor de ser criança!

Quem de nós adulto, não guarda na memória o/s seu/s avós…. Os melhores cozinheiros/as, os melhores contadores/as de histórias e os melhores nas brincadeiras!

Por tudo isto, hoje é dia de festa, de convidar os avós para um lanche/jantar, de lhe dar muitos mimos, um postal repleto de palavras amorosas e um abraço delicioso!

Bom Dia dos Avós!!!

 

m000169005.jpg

(imagem retirada da internet)

publicado por Maribel Maia às 09:20

19
Set 17

Quem convive com adolescentes, facilmente, se apercebe que existem muitos conceitos e práticas próprias destas idades, pouco claras e pouco entendidas por nós, mais crescidos… e por mais que nós tentemos estar a par destas novidades teenagers, dificilmente conseguimos ‘apanhar o comboio’…

Do que tenho aprendido com eles/as… ser adolescente é: 

  • Os youtubers mais divertidos são: Wuant, SirKazzio, Frame, OvelhaNigga, entre outros… estão todos a viver na mesma casa e só a adolescência os acha divertidos…
  • Os desafios propostos nas redes sociais, são sobre tudo e sobre coisa nenhuma, só eles se entretêm com isso… nada contra, desde que não lhes coloque a saúde em risco…
  • Os spinners? Qual é a criança ou o adolescente que não tem um…ou vários… diferem de cor e preço… pelo menos não é mais uma consola de jogos…
  • As dezenas de grupos aos quais estão incluídos, nas várias redes sociais… são os grupos de aniversário, grupo de turma, grupo de vizinhos, blá, blá… que fazem o telemóvel tocar várias vezes, por minuto… eu não tinha paciência!!!!!
  • A aplicação musical.ly que coloca todos os adolescentes nas luzes da ribalta com os pequenos vídeos com música e coreografia inventada apressadamente…

Eu confesso que com estas particularidades acabo por me rir e divertir com eles… enquanto eles, simplesmente, crescem!!!

Mais alguma particularidade que, por aí, se lembrem e que coloque a adolescência ‘como seres humanos altamente desconhecidos’???

 

adolescentes.png

 

 

publicado por Maribel Maia às 17:12

Janeiro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
15
17
19

20
23
24
25
26

27
28
29
30
31


subscrever feeds
pesquisar
 
mais sobre mim
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Instagram
@educarcomvida
blogs SAPO