Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Educar (Com)Vida

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

A importância das vídeo aulas

Muitas vezes, os estudantes sentem que o momento em sala de aula não foi o suficiente para adquirir todo o conhecimento necessário na aprendizagem da nova matéria.

Existem vários recursos disponíveis para auxiliar este processo de aprendizagem, um deles são, efetivamente, as novas tecnologias… nestas, hoje, destaco as vídeo aulas, que podem ser facilmente encontradas na internet, com vídeos tutoriais, com professores que ensinam matérias específicas, com documentários, exercícios realizados passo a passo, com claras explicações… basta, para isso, que o estudante consiga selecionar, com alguns cuidados, qual o vídeo mais adequado ao conhecimento que precisa obter, visualizar um ou mais vídeos e depois, fazer exercícios do seu próprio caderno/manual e perceber se está a adquirir melhor os conhecimentos.

Existem também algumas plataformas digitais, disponibilizadas pelas editoras dos manuais escolares, que também disponibilizam alguns vídeos, para os cliente que pagam mensalidade.

Este método apoia muito o estudo, já que se torna um apoio muito próximo do contexto sala de aula, pois capta a atenção auditiva e visual. Basta escolher, com cuidado os conteúdos a visualizar.

estudo.jpg

 

Famílias: não tenham receio de exigir…

Educar é dizer mais vezes Não do que Sim, é orientar e direcionar, é oferecer o exemplo diário, é usar palavras e fundamentar com ações.

Educar é tarefa dura e difícil, ser exigente e assertivo quando apenas se tem vontade de mimar e atender pedidos… a aprendizagem não é apenas para quem cresce, é também para quem ensina, quem aprende constantemente com os bons e maus resultados!

Na minha opinião, as famílias devem ser exigentes na educação, na transmissão de valores e na definição de práticas. Não se podem permitir algumas ações e devem-se incentivar tantas outras.

Uma boa forma de incutir valores primordiais, deve passar por várias situações simples, uma delas é a partilha de tarefas em casa. Toda a família que partilha uma mesma casa, devem também partilhar a ajuda e os trabalhos, basta adaptar as tarefas às idades, basta organizar, para que não sejam sempre os mesmos a fazer algo.

Não haverá forma mais importante de autonomia do que saber fazer tarefas como: cozinhar, limpar, arrumar, gerir despesa e dinheiro, ajudar o outro…  

Ao partilhar as lides domésticas entre a família, ninguém ajuda, todos colaboram… simplesmente isso… ninguém faz mais…. todos fazem o que conseguem…

Isto traz o aumento dos níveis de responsabilidade e autonomia, promove a capacidade de empatia, solidariedade e respeito pelo trabalho do outro… ajuda a desenvolver uma consciência futura, bem mais completa!

Não tenha receio de exigir isto das crianças, quando elas forem adultas irão agradecer… como, certamente, você agradece agora à sua família!

desenvolvimento.jpg

 

JOGOS PEDAGÓGICOS: A Caça ao objeto escondido

Alguns jogos que podem ser divertidos e educativos em simultâneo, podem educar para as emoções, podem melhorar o desenvolvimento físico, podem exercitar capacidades intelectuais. Por estas razões, hoje traga-vos uma proposta de uma atividade pedagógica que pode ser realizada em famílias e/ou por educadores/as.

A Caça ao Objeto Escondido. Com base na mesma atividade da Caça ao Ovo que se realiza em tempos de Páscoa e com uma tradição antiga. A Caça ao Objeto Escondido pode ser um momento de grande diversão entre grupos de amigos ou famílias, ajuda também na concentração, no desenvolvimento da motricidade grossa e ensina a prática de jogos ao ar livre. 

Para além disso nada impede de utilizarem os mais variados objetos para serem escondidos, podendo ser um complemento a uma aprendizagem específica.

Como fazer:

  • Selecione os objetos a esconder;
  • Decorem-nos a gosto;
  • Tenha um cestinho ou saquinho para cada participante;
  • Esconda os objetos pela casa/jardim;
  • Defina um tempo específico para esta caça, tendo em atenção a idade dos participantes.

jogos pedagogicos (6).jpg

 

Como estudar com internet?

Parte II

Se no Post anterior escrevi sobre a utilização da internet para realizar um trabalho escolar, hoje venho dar continuidade ao mesmo tema, mas direcionando-o para o estudo individualizado e a procura de informação, ou o retirar de dúvidas escolares.

Para estudar a internet pode ser uma ajuda fornecendo-te:

  • Vídeos explicativos de um dado tema;
  • Vídeoaulas;
  • Pequenos documentários;
  • Explicações em slides, com exemplos;
  • Resumos de matérias que sairá nos testes;
  • Exercícios em PDF ou online, com as respetivas soluções;
  • Exames nacionais de anos anteriores para treino.

Nunca te esqueças de selecionar a informação que procuras e avaliar a fonte/site sobre a sua credibilidade. Para além disso, nunca ligues as tuas redes sociais enquanto estudas com o computador, pois já sabes que te vais distrair….

bons alunos (1).jpg

 

O ‘cantinho’ do estudante

Diálogo entre mim, e um/a estudante de 3º ciclo:

«Eu: _ Tens um lugar para estudar, em casa?

Estudante: _É no meu quarto, ao lado da cama tenho uma secretária com gavetas.... e às vezes vou para o Pufe para memorizar a matéria… e assim….

Eu: _Foste tu que decoraste?

Estudante: _Sim…»

 

Conheço estudantes que não têm um lugar específico, em casa, para o seu estudo diário… Optam por ficar, umas vezes na sala, umas vezes no quarto, ou na cozinha… isto significa que, sempre que tiverem de dar início ao estudo terão de juntar todo o material necessário ao estudo e, sempre que se esqueçam de algo irão interromper o estudo para ir buscar o material em falta.

A existência de um único espaço físico de estudo deve ser algo fundamental em casa de cada estudante. Uma secretária com os materiais necessários de apoio e complemento, com gavetas de arrumação e boa iluminação, é algo bastante recomendado.

Para além disso, deve ser um lugar com poucos barulhos e sem TV, para não perturbar… sendo que, o estudante não deve ter próximo outros elementos que despertem interesses maiores, como por exemplo, telemóveis, brinquedos, etc…

E, que material deve existir nesse espaço físico? Vejam neste Post!

estudar exige.jpg

 

Escola em casa, que avaliação?

Diálogo entre mim e um/a estudante de 3º ciclo:

Eu: _Então, como estão a decorrer as aulas? Tens feito os trabalhos?

Estudantes: _Sim, mas ninguém está preocupado… já toda a gente sabe que é para passar e é, portanto!»

Logo no início do 3º período escolar, das situações que penso ter mais preocupado os professores foi como irão avaliar os seus alunos, neste período, sendo que eles estão em casa a receber formação através dos meios de comunicação e com isso os constrangimentos que irá acarretar são reais.

A avaliação, em situação normal escolar, quer-se contínua e, desde a atenção em sala, a realização dos trabalhos e as fichas de avaliação, muito havia para analisar e avaliar.

Agora, que os estudantes estão em casa, a sua participação na telescola não é visível, perceber se o aluno está atento em vídeo aulas é tarefa extremamente difícil, verificar se os trabalhos realizados foram feitos pelo próprio, ou em conjunto, requer muita sensatez… ou seja, a pergunta torna-se imperativa, até que ponto esta avaliação será ajustada e realista?

Quando converso com os alunos, sinto que eles consideram que têm o direito a algum facilitismo, devido a tantos constrangimentos, dos quais não têm a culpa e consideram que todo o esforço realizado de adaptação a estes métodos de ensino devem ser recompensados.

Os professores têm por base um período e meio de aulas presenciais onde conseguiram conhecer um pouco os alunos e retirar daí alguns traços principais de avaliação que, certamente, não serão suficientes… e agora terão de adaptar as suas próprias estratégias de análise.

Muitas dúvidas e incertezas surgem no momento de assumir se as aprendizagens escolares, este ano letivo, foram efetivamente conseguidas…

avaliação escolar.jpg

 

Estudar em Casa com escolas encerradas!

Orientações para o Secundário

Os estudantes de nível secundário já têm a obrigação de conseguirem realizar facilmente um estudo autónomo produtivo e eficaz. No entanto, muitos são os alunos que pretendem seguir os estudos académicos e entrarem na universidade, para isso precisam de lutar pela médias e por avaliações de excelência, logo precisam de apoio profissional constante.

Para estes alunos que, com toda esta situação, poderão ser os mais prejudicados, aqui ficam algumas dicas:

  • Cria o teu plano de estudos, com horários bem definidos e segue-o sempre;
  • Mantém as tuas explicações online;
  • Escolhe um colega com quem trabalhes de forma produtiva e estuda com ele online;
  • Faz resumos das matéria;
  • Adquire livros de exercícios extra, para as disciplinas que tenhas mais dificuldade;
  • Reflete e escolhe muito bem quais os exames nacionais que irás realizar, sendo que ocorreram alterações à lei, está tento;
  • Não estejas demasiado tempo em frente aos ecrãs, faz pausas para apanhar sol e para fazer exercício físico;
  • Continua empenhado e dedicado, tens de continuar a lutar pelo teu futuro;

    estudoemcasa-partilha (4).jpg

     

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Vencedor:

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Blogs Portugal