Com um olhar pluridimensional sobre a EDUCAÇÃO, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida... este é um convite para conversar sobre educação.

08
Mai 19

Diálogo entre mim e um/a estudante de 2º ciclo:

«Eu: Namoras? Não sabia…

Estudante: Sim…

Eu: Há quanto tempo?

Estudante: Mais ou menos um mês…

Eu: Que idade têm?

Estudante: Dez e eu Onze…»

 

Existem os pais que estão constantemente a perguntar se ‘Tens namorado/a?’ E os que nunca fazem tal pergunta… pela minha convivência com crianças e jovens estudantes, posso afirmar que poucas foram as vezes que realizei essa pergunta, mas muitas foram as vezes que quiseram falar dessa resposta… quando assim é, converso sobre tal confidência, seguindo pelo ‘caminho’ que me apresentam, respeitando sempre a confiança que depositam em mim.

Nestas conversas e noutras confidências, percebo que estes estudantes procuram um adulto que, sobre estes assuntos, fale de forma séria e adaptada à sua idade, que respeite as suas experiências, sem julgar, mas que aconselhe com naturalidade.

Assim sendo, não me parece que deva existir uma idade certa para experimentar um relacionamento (amizade, namoro), parece-me apenas que estes relacionamentos devem adaptar-se à idade, para que, o desenvolvimento afetivo e emocional tenha o seu percurso natural, de acordo com a saudável consciência de cada criança ou jovem.

Neste percurso, o mais importante é que, cada estudante encontre um confidente em quem possa procurar apoio, orientações e conselhos, sem vergonhas nem preconceitos. E como refiro inúmeras vezes, o desenvolvimento emocional é de extrema importância no crescimento individual.

tumblr_mnomcb8d0e1srk0f9o1_500.jpg

(imagem retirada da inernet)

publicado por Maribel Maia às 10:34

8 comentários:
É isso mesmo!!! Plenamente de acordo!
Dia Feliz!
MJP a 8 de Maio de 2019 às 10:49

Obrigada! Excelente dia!

Como estou tão de acordo, Maribel!
Fiquei mais aliviada com o facto de não haver idade certa para iniciar um namoro. Tenho uma filha com 16 anos e lá vou tentando saber (com muito tacto) se existe namorado e ela diz-me que não, que isso é um assunto sério e não quer envolver-se com qualquer um que apareça. Inclusive diz que os rapazes da sua idade são imaturos!!! Confesso que estava a ficar preocupada, mas a verdade é que as minhas duas filhas mais velhas só iniciaram os namoros pelos 15 anos!!!
Luísa de Sousa a 8 de Maio de 2019 às 11:37

Existem jovens que experimentam uma relação, como eu chamo, 'ensaio de namoro' mais cedo do que outros, mas ambas as situações são naturais... Desde que tudo aconteça com naturalidade...

O meu primeiro namoro foi aos 6 anos . Tão inocente e tão puro que me recordo com alguma alegria hehe
Alala a 8 de Maio de 2019 às 19:03

Pois, não importa a idade mas sim a forma como acontece, que deixa boas memórias e aprendizagens...

Aos meus pergunto muitas vezes.
A Leonor já tem um namorado há imenso tempo e é sempre o mesmo já o Lourenço troca de namoradas todas as semanas!
PS: Ainda levam tudo na brincadeira!
omeumaiorsonho a 8 de Maio de 2019 às 19:12

É nessa forma de brincar que se vão construindo saberes e emoções....

Maio 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
14
16
18

19
21
23
25

26
28
30


arquivos
2019:

 J F M A M J J A S O N D


2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar
 
mais sobre mim
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO