Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Educar (Com)Vida

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

E ainda… sobre os manuais escolares…

Hoje, partilho um excerto de duas conversas com diferentes alunos, de diferentes escolas, que nos ajudam a refletir sobre a atualidade do uso de manuais escolares, que podem ajudar a ponderar:

 

Estudante de 3º ciclo:

 «_ Não me aceitaram dois livros…»

Por esta altura, os alunos que receberam manuais emprestados pelo Estado têm de os devolver, entregando-os às escolas em boas condições. Isto implica que, se algum aluno não os entregar na data prevista, ou se algum manual estiver em más condições (escrito, sublinhado, ou rasgado) terá de os pagar.

Emprestar manuais aos alunos, parece-me uma excelente medida, exigir que estes sejam bem cuidados e devolvidos impõe responsabilidade aos estudantes, que também me parece bem. No entanto, assumo que é difícil para os alunos não fazerem os exercícios, sublinharem ou fazerem apontamentos neles. Por esta razão, existem famílias que optam por comprar um ou outro manual, dependendo da disciplina!

 

Outro/a Estudante de 3º ciclo:

 «_ Para o ano, os livros vão voltar a ser em papel…»

Este excerto de diálogo refere-se a uma escola que optou por manuais digitais. A estratégia é semelhante à anterior… não é possível ter os próprios manuais, eles estão disponíveis em duas plataformas, Escola Virtual e Aula Digital a que o aluno tem acesso… (Já cá refleti sobre manuais digitais, nesta publicação: aqui).

No entanto, pelo que consegui perceber, esta escola considera que os alunos estiveram desatentos nas aulas por utilizarem os computadores portáteis de forma indevida e por este ser mais um meio de distração. Assim, no próximo ano letivo voltarão a receber os manuais em papel, como no ano letivo anterior! Os portáteis facultados pela escola serão para uso esporádico…

 

Portanto, espelham-se realidades diferentes por este país… certamente, ainda mais do que estas que aqui partilho!!! Mais alguém deseja partilhar… escrever a sua opinião???

 

manuais escolares.jpg

 

18 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Vencedor:

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
Blogs Portugal