Com um olhar pluridimensional sobre a EDUCAÇÃO, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida... este é um convite para conversar sobre educação.

26
Abr 18

Muitos estudantes apresentam-se com dificuldades em participar durante as aulas, ou por vergonha, ou com receio de prejudicar a sua avaliação. Contudo, demonstrar-se um aluno participativo demonstra um aluno atento e interessado, portanto, é importante deixar a vergonha de lado e participar, com o hábito e a rotina tudo se tornará mais fácil e normal.

Para ajudar a esta participação, aqui ficam algumas dicas:

  • Propõe-te como leitor sempre que o professor solicitar um voluntário;
  • Procura responder, não só às perguntas dos professores como às dúvidas dos colegas;
  • Coloca a mão no ar e nunca respondas sem ter autorização do professor;
  • Não fales ao mesmo tempo que o teu colega;
  • Responde de forma humilde, sem falar muito alto, nem com ansiedade;
  • Apresenta as tuas próprias opiniões sem receios;
  • Sê educado com professor e colegas;
  • Sempre que existirem dúvidas coloca-as no momento que considerares oportuno, ou então no final da aula;

participacao-alunos.jpg

 

publicado por Maribel Maia às 10:45

18 comentários:
Sempre tive esse problema enquanto estudante, e até mesmo agora, embora já vá intervindo uma vez ou outra.
Eu era aquela criança que estava sempre a ver se o professor não dava por ela, se escolhia outro colega.
Podia até saber a resposta, mas tinha sempre receio de não acertar. De me enganar na leitura, de bloquear.
De livre vontade, raramente me oferecia. Tinha que ser os professores a puxarem por mim.
Também noto isso na minha filha agora!
marta-omeucanto a 26 de Abril de 2018 às 11:41

É muito bom quando temos professores com essa sensibilidade e tentam melhorar essa autoestima nos alunos!
Maribel Maia a 26 de Abril de 2018 às 13:19

"Não ponhas o dedo no ar sem saber a resposta, no intuito de iludir o professor e colegas acerca do teu conhecimento. Não sabemos tudo e as dúvidas devem ser esclarecidas"
P. P. a 26 de Abril de 2018 às 12:12

Também é um bom conselho!
Maribel Maia a 26 de Abril de 2018 às 13:21

Eu tenho um filho muito envergonhado e com medo de participar (vejo-me nele com a mesma idade).
No outro dia em conversa disse-lhe que ele tem de participar e que bem ou mal ninguém o julgaria.
Mesmo que não soubesse ou não tivesse certeza teria de responder porque os professores acabam por contabilizar tudo isso.
Este feriado enviei um email à professora a informar que ele iria faltar um dia ao que recebo uma reposta que me deixou surpresa.
A professora a dar os parabéns pelo trabalho de casa do dia anterior onde ele falava sobre o 25 abril (tudo por causa de uma explicação que lhe dei sobre o assunto.)
Ana Gomes a 26 de Abril de 2018 às 12:30

Pelo que vimos nos comentários, esta timidez é comum a muitas crianças... Nós educadores, país, professores temos de os incentivar, porque o mais importante é tentar um pouco mais... Sair da zona de conforto... Melhoram-se as notas e a autoestima....

O meu no dia em que tive essa conversa com ele dizia-me que tinha receio que os amigos se rissem dele (ano lectivo passado) depois que mudou de professora entendi o porquê e afinal o mal não era dele, mas enfim...
Eu incentivo a que eles sejam proactivos, falem e perguntem em caso de dúvida ninguém melhor que o professor para os ensinar e ajudar na dúvidas.
Há coisas que eu não me lembro e não sei como são ensinadas na escola e prefiro que ele fique com os TPC's por fazer e perguntar do que eu fazer asneira.
Até já comentei isso com a professora dele que há coisas que ele levará sempre para esclarecer e ela disse que preferia assim em vez de eu ou o pai andarmos a ensinar asneira da grossa!

Um bom testemunho! Muito obrigada!
Maribel Maia a 26 de Abril de 2018 às 17:26

Nunca fui participativa nas aulas. Um dia reoli responder e errei nunca mais o fiz . Esta minha maneira de ser que nunca me deixou evoluir .
meandmyboy a 26 de Abril de 2018 às 12:31

Pois, o incentivo tem de ser constante, para que não haja esse desânimo... Porque a participação em aulas demonstra atenção e motivação para os professores, embora alguns compreendam bem a timidez de um ou outro aluno!
Maribel Maia a 26 de Abril de 2018 às 13:27

Nos meus tempos de aluna sofria desse mal.
Mamã Silvestre a 26 de Abril de 2018 às 16:06

Não era a única, como pode ver, aqui pelos comentários!
Maribel Maia a 26 de Abril de 2018 às 17:25

O estranho é que muitos alunos não são participativos quando devem, mas depois falam uns com os outros pelos cotovelos. Isso ou dizerem coisas que não devem aos professores.
Marta Elle a 26 de Abril de 2018 às 17:29

É verdade, o que deixa triste pais e professores!
Maribel Maia a 27 de Abril de 2018 às 09:56

A participação é uma actividade central numa aula que se quer viva. O professor tem que induzir entusiasmo nos alunos, suscitar curiosidade e capacidade de arriscar em questionar. Isso depende muito das técnicas usadas pelo professor, da sua pedagogia activa e do gosto que demonstrar por aquilo que ensina.
júlio farinha a 26 de Abril de 2018 às 19:37

Sem dúvida, nem acrescento mais nada!
Maribel Maia a 27 de Abril de 2018 às 09:57

Muito Bom. Espero que sigam os teus bons conselhos.
Mamã Gansa a 26 de Abril de 2018 às 20:22

Muito obrigada!
Beijinhos
Maribel Maia a 27 de Abril de 2018 às 09:58

Abril 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
14

15
17
18
20
21

22
24
25
27

29


pesquisar
 
mais sobre mim
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Instagram
@educarcomvida
blogs SAPO