Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Educar (Com)Vida

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Educação financeira: recebes mesada?

– PARTE I

Diálogo entre mim e estudante de 2º ciclo:

«Estudante: _Acho que estraguei a máquina de calcular!

Eu: _Já, ainda a compraste este ano!?

Estudante: _ Foram só 12 euros…

Eu: _ Não me digas que achas pouco? Sabes quanto tempo os teus pais têm de trabalhar para receber esses 12 euros?»

 

A escola procura formar indivíduos, no entanto, não os consegue formar em todas as suas vertentes, que são imensas. Portanto, cabe às famílias e à sociedade oferecer momentos e situações de vida que permitam, a quem cresce, obter muitas outras formas de educação e formação.

Uma deles, muito importante é a educação e financeira e económica. As crianças devem aprender muito sobre a  importância do dinheiro, aprender a gerir e a poupar. Para tal, devem aprender muitos conceitos económicos e devem poder praticar também alguns desses conceitos. Para isso, é muito importante que os estudantes recebam mesada, semanada, ou mesmo, outra estratégia familiar, que lhes permitam aprender competências relacionadas com a gestão do dinheiro.

Em casa, também é importante perceberem a gestão do orçamento familiar, as despesas que acontecem mensalmente, o peso das despesas pessoais, as estratégias financeiras, assim como, o conceito de trabalho e de salário.

Um exemplo muito claro de que, nem sempre os estudantes têm a noção dos valores implicados é a questão dos telemóveis, muitos jovens têm telemóveis que custam mais do que um salário mínimo nacional e tratam o objeto com pouco cuidado, como se estivessem a utilizar algo de pouco valor, sendo que, por vezes, as famílias fazem um esforço financeiro enorme para comprar tal equipamento, que dura menos de dois anos.

Estas situações podem ser muito graves, pois se uma criança ou jovem não consegue aprender muito sobre economia e finanças, em adultos terão imensas dificuldades em gerir o seu próprio salário, em fazer as suas próprias poupanças e economias.

futuro.jpg

 

Filmes para ver/refletir com adolescentes…

Os adolescentes chegam a uma idade em que já não querem ver filmes de animação, porque não querem ser considerados crianças, em simultâneo, também não faz sentido verem filmes de adultos, muitas vezes, com pouco valores inerentes, ou de difícil compreensão.

É claro que eles pretender assistir a outros filmes e escolhem-nos de acordo com as modas e gostos coletivos, no entanto, se procura um filme com uma excelente moralidade, que traga reflexão individual e que eles iriam gostar de assistir, embora não os escolhessem, aqui fica uma pequena lista. Podem ser para assistir em família, ou noutros contextos educativos.

Assisti a todos os que se encontram em sugestão, portanto, é uma seleção muito pessoal. Recomendo:

 

Filme: Wonder – Encantador (2017)

Conta a história de Auggie Pullman, um menino que nasceu com uma malformação facial e por consequência disso passa a ser alvo de bullying por parte dos colegas. Um filme para rir e chorar… e com um final maravilhoso.

 

Filme:  The Pursuit of Happyness – À Procura da Felicidade (2006)

Chris Gardner é inteligente e talentoso mas não consegue encontrar um emprego que sustente a família, devido à falta de dinheiro, a mulher abandona-o e Chris fica sozinho com o filho de cinco anos. Pai solteiro, Chris continua a lutar por um emprego melhor e demonstra um exemplo de luta pelos sonhos surpreendente.

 

Filme: Patch Adams - O Amor é Contagioso (1998)

 

Após uma tentar de suicídio, Hunter Adams voluntariamente interna-se num centro de recuperação. Ali descobre que deseja ser médico, para poder ajudar as pessoas. Deste modo, sai da instituição e entra na faculdade de medicina, no entanto os seus métodos de compaixão e proximidade com os doentes trazem uma bela e diferente luta…

 

Filme: La famille Bélier - A Família Bélier (2014)

 

Todos os elementos da família Bélier sofrem de surdez, exceto Paula, a filha adolescente. Desde pequena que se habituou a ser porta-voz de cada um deles, fazendo a ponte de comunicação com o resto do mundo. Tudo muda quando o professor de música de Paula descobre o seu enorme talento para cantar e a incita a participar num prestigiado concurso em Paris (França).

 

Filme: Juno (2007)

A adolescente Juno MacGuff engravida do melhor amigo… decide ter o bebé e entregá-lo para adoção, escolhendo a família de adotantes…

Embora pareça um tema duro e difícil, todo o filme tem uma leveza pura da adolescência que torna o filme interessante, profundo e, em simultâneo próprio para qualquer idade.

 

Sintam-se à vontade para acrescentar as vossas partilhas e recomendação!! Serão sempre mais uma ajuda para quem procura tais conselhos…

ferias escolares.jpg

 

A Educação que não se aprende na escola!

Desenganem-se as famílias que consideram que os seus educandos podem aprender tudo dentro de um recinto escolar. A educação está muito para além das disciplinas e da formação facultada no ensino formal. Ter educação é ter um conjunto de saberes, valores e ideias que se aprendem vivendo intensamente, nos mais diversos contextos de vida. E, neste sentido as famílias têm um papel fundamental na orientação e no proporcionar de tais experiências de vida, para tornarem o seu educando um pleno cidadão, consciente dos seus direitos e deveres.

Estes são alguns dos exemplos de Educação que não se adquirem nos bancos de escola, nem nos manuais escolares:

 

  • Educação emocional: é no convívio entre pares (mesmas idades), nos recreios e em outras atividades extra escolares que mais acontece;
  • Educação financeira: as famílias têm um papel fundamental nestes ensinamentos, através da gestão das mesadas e do ensino da poupança;
  • Educação para a sexualidade: embora exista legislação para que esta educação ocorra nas escola, tal não acontece, portanto, é imprescindível que a família assuma esta educação;
  • Educação moral e religiosa: as escolas oferecem apenas uma disciplina e é facultativa, portanto são as famílias que decidem se querem, ou não, acrescentar esta forma de educação a quem cresce, além disso, esta disciplina não contempla todas as religiões;
  • Educação Política: a consciência política, partidária e cívica não é ensinada nas escolas, a sensibilização deve começar em casa, assim como deve existir uma procura de informação pessoal;
  • Educação para as tarefas domésticas: não é aprendizagem menor saber limpar, saber cozinhar e saber cuidar da casa de quem nela vive, estas aprendizagens realizam-se em famílias e são fundamentais para um adulto autónomo e responsável.

educações.jpg

 

Calendário de Advento, em família!!!

O mês de Dezembro aproxima-se e com ele, todos nós, só pensamos no Natal e em tudo de bom que eles nos traz.

Tem sido hábito partilhar aqui um Calendário de Advento para motivar ainda mais este caminho divertido, até ao dia 25 de dezembro.

 

Já experimentou fazer este desafio em família? Aceite-o este ano… verá que é divertido e irá partilhar, ainda mais, este espírito de Natal entre todos, aí em casa!!!

calendário do advento_2023.jpg

Para imprimir, use este versão em PDF: 

calendário do advento_2023.pdf

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Vencedor:

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
Blogs Portugal