Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Educar (Com)Vida

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

5 Dicas para Decorar/Memorizar:

Diálogo entre mim e um/a estudante de 2ºciclo:

«Eu:_ Como está o estudo?

Estudante: _Já estudei muito hoje… já escrevi os números até 100 em inglês!

Eu: _Era trabalho de casa?

Estudante: Sim, a professora mandou, que era para nós decorarmos…»  

 

Quantas vezes educadores e pais ouvem tais afirmações: ‘tenho de escrever vinte vezes’, ‘tenho de fazer as tabuadas três vezes’, … eu seja, copiar e repetir várias vezes, sempre com o mesmo objetivo: decorar… não nego que, é necessário saber escrever sem erros, saber as tabuadas… e assumo que a repetição é, sem dúvida uma forma bastante eficaz de memorizar/decorar… mas confesso que, sempre que ouço um estudante dizer-me que tem para fazer tal tarefa me ‘aperta o coração’ saber o tédio que terá de enfrentar na execução de tal trabalho…. por isso, admito a existência de alguma aversão ao estudo e aos TPC’s por parte destas crianças e jovens!

Não posso, de todo, acabar com tais trabalhos escolares contudo, posso propor algumas formas mais interessantes de memorizar as matérias aprendidas na escola… ficam aqui algumas dicas:

 

  • Recorra à audição: que para além da visão auxilia na memorização, existem vários vídeos na internet direcionados a crianças, que com músicas e imagens apresentam a matéria a estudar.
  • Recorra às pausas: a matéria é mais fácil de interiorizar aos poucos, portanto em vez de decorar algo em apenas um dia, prolongue o estudo para uns minutos em cada dia, relembrando sempre a mesma matéria.
  • Recorra a associações: podem fazer-se associações divertidas, como um til se chamar língua de cão, ou como escrever avô implica sempre colocar-lhe um ^(chapéu) e à avó um ´(lenço). Ou associações a situações práticas, como por exemplo, a palavra centrifugação aprendida em Ciências/Físico-química significa o mesmo efeito que a máquina de lavar roupa lá de casa.
  • Fuja das confusões: Quando se está em processo de memorização e, o processo que estava a tornar-se mais rápido e claro de repente torna-se demasiado confuso e difícil está no momento de parar... por alguns minutos ou um dia…
  • Faça desenhos, escreva em cartolinas: para afixar em lugar de estudo é também um método eficaz de relembrar matérias. Quantos de nós temos vários post-its à volta no PC, em casa ou no trabalho???

 

Conte-nos se conhece mais alguma forma de memorização eficaz, seja consigo ou com outros estudantes, poderá ajudar quem nos visita! Obrigada.

memoria_16645_l.jpg

 

24 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D