Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Educar (Com)Vida

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Com um olhar pluridimensional, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida...este é um convite para conversar sobre educação.

Os pais e os TPC’s… será de perder a cabeça?

Quantas e quantas vezes conversei com pais/mães que me referem não estar a conseguir acompanhar os filhos nos estudos de casa, porque se enervam, porque eles estão tão atentos, porque eles não prestam a atenção… e se não são os pais a dize-lo, muitas vezes são os estudantes a assumi-lo!

Parece-me totalmente plausível esta situação, no final do dia de trabalho, a grande maioria dos pais já não tem capacidade psicológica para se sentar a ensinar, com a maior paciência… e para os estudantes perfeito seria que os pais se sentassem com eles a conversar  calmamente ou a fazerem atividades divertidas em conjunto, é essa a atenção que desejam.

Contudo, em casa, é necessário ensinar métodos de estudo e organização de trabalho escolar, já que este, normalmente, não é ensinado nas escolas… existem os ATL’s ou as Explicações que realizam esse apoio e orientação, que em muito ajuda o quotidiano familiar, embora não esteja, financeiramente, ao alcance de todos!

Se essa tarefa lhe compete a si (pai/mãe) posso deixar um conselho, se no decorrer do apoio começa a demonstrar nervosismo, está para começar a gritar com o estudante, o melhor é deixar que ele continue sozinho o estudo, pois, a maioria dos estudantes reage mal a este confronto, bloqueando a raciocínio lógico e assim nada de bom se ensina/aprende!

 

Aí em casa, também se sentem estes desassossegos?   

desespero copy.gif

 

Estudar é: FAZER ESQUEMAS

Muitas vezes, mais importantes do que os resumos e também, mais difíceis de produzir, são os Esquemas. A competência de elaborar um bom esquema demonstra grande capacidade organizativa, criativa e de síntese e estes são ótimos apoios, no momento de preparação para a avaliação, pois ajudam a organizar e sintetizar a matéria. O esquema pode também auxiliar um plano de estudo futuro.

 

Vantagens dos esquemas:

  • Podem receber reformulações e acrescentos constantemente;
  • Apresentam as ideias centrais a reter;
  • Definem as ideias principais e as ideias secundárias;
  • Recordam facilmente a matéria;
  • Economizam palavras;
  • São ótima base para um bom resumo;
  • Incluídos em ‘Trabalhos escritos’ organizam de forma sintética a informação exposta.

esquema1.gif

 

Estudar é: FAZER RESUMOS

A minha proposta para se estudar melhor algumas disciplinas, como por exemplo a História o as Ciências da Natureza, é começar por realizar um bom resumo sobre a matéria a estudar. A construção de resumos facilita na compreensão e assimilação de novas aprendizagens, permite o treino na escrita e na capacidade de síntese e exercita a capacidade de explicação com mais rigor e utilizando os conceitos associados ao tema em estudo.

 

 OS RESUMOS AJUDAM QUANDO:

Utilizas as tuas próprias palavras;

Estás bastante concentrado na sua concretização;

És fiel às ideias expostas;

Entendeste toda a matéria a resumir;

Organizas os resumos com cores, tópicos e palavras-chave;

Voltas a reler várias vezes até apreenderes toda a matéria;

Fazes uma seleção de temas principais e secundários;

Respeitas a ordem cronológica dos acontecimentos;

Defines conceitos e palavras-chave.

 

OS RESUMOS NÃO AJUDAM QUANDO:

Transcreves na integra o que está no livro;

      Estás distraído na sua concretização;

      Contradizes o que leste;

      Não entendeste parte da matéria a resumir;

      Constróis um resumo desorganizado e pouco legível;

      Não voltas mais a reler;

      Não fazes distinção de temas ou ideias;

      Não ordenas situações ou acontecimentos;

      Não sintetizas os conceitos presentes na matéria.

 

 

  

 

‘_Ela não sabe jogar futebol porque é menina!’ - Educar para Incluir

Todos os que cuidam de crianças, seja de forma constante, ou esporadicamente já se questionaram sobre o seu papel e contributo para um saudável crescimento da criança. Em si têm a noção clara de que deve corrigir as brincadeiras homofóbicas ou discriminatórias entre pares (crianças da mesma idade) ou para com os outros. Já que educar é ensinar, nos mais variados momentos da vida, que o respeito a aceitação e a tolerância para com o outro é fundamental numa sociedade cada vez mais justa e equilibrada. Contudo, corrigir e orientar é apenas uma das atitudes a ter nesta promoção de um ser humano feliz.

Cabe aos educadores contribuir para momentos de discussão, experimentação, reflexão e atitudes que promovam o desenvolvimento intelectual e emocional de quem aprende a viver. Neste sentido, conhece algumas atividades e/ou brincadeiras que contemplem estes momentos?

Aqui ficam algumas propostas às quais poderá juntar as suas…

 

  • Criar momentos de diálogo partilhado, entre pares, sobre conceitos como: igualdade de género; racismo; partilha; direitos humanos; ….
  • Voluntariado: visita a lares ou instituições; voluntário em associações; participação em donativos (alimentos, roupa, brinquedos); …
  • Participação em grupos como: escutismo; catequese; grupos de teatro;
  • As mais variadas práticas desportivas;
  • Inclusão da Arte como conceito caleidoscópico da vida…

School-life-sayings-tumblr.jpg

 

Pág. 2/2

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Vencedor:

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
Blogs Portugal