Com um olhar pluridimensional sobre a EDUCAÇÃO, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida... este é um convite para conversar sobre educação.

01
Set 16

Bem verdade que os estudantes ainda estão de férias e pouco querem ouvir falar do início das aulas. Contudo, os livros já deverão estar comprados, mas poucos tiveram a curiosidade de os espreitar demoradamente….

Para começarmos todos muito bem o ano, e com a calma merecida após férias, ao longo deste mês de setembro, irei deixar uns artigos sobre o Regresso às Aulas, para que, de forma relaxada, comecem a receber as minhas orientações e opiniões… elas poderão auxiliar estas, por vezes difíceis, mudanças de rotina!

Bom Regresso às Aulas e Boas Leituras!

images (16).jpg

 

 

publicado por Maribel Maia às 15:15

9 comentários:
Quando entrei para o 11.º Ano estava motivada, por isso, analisei muito bem os livros e até andei à procura do significado de palavras desconhecidas no dicionário.Depois nas aulas fiz boa figura, claro !
Marta Elle a 1 de Setembro de 2016 às 16:58

Sem dúvida, o mais importante é motivação e dedicação...e tudo virá de bom!
Maribel Maia a 1 de Setembro de 2016 às 17:14

Eu quando era aluno comprava o livros antes de se iniciaram as aulas e era muita a curiosidade para saber o que ia ser dado. Actualmente poucos fazem isso.
aespumadosdias a 1 de Setembro de 2016 às 20:22

Eu também era assim, por vezes lia os textos do livro de Língua Portuguesa quase de uma vez....
Maribel Maia a 2 de Setembro de 2016 às 11:07

Penso que levamos essa aversão aos livros e ao início das aulas até à vida adulta, tornando penoso o regresso à rotina do emprego. Parece-me que há muitos ensinamentos e hábitos que ficam "suspensos" durante a pausa da escola/trabalho, quando na realidade deveríamos incutir nas crianças (os adultos de amanhã) novos estilos de vida e não meros hábitos temporários logo esquecidos com o fim do ano letivo. Refiro-me ao hábito da leitura, de pintar/desenhar, de conhecer sítios e pessoas ao invés de passar horas em frente do computador, de brincar na rua e não na playstation, de fazer desporto e não passar dias no sofá.
Ainda há muito que mudar...muito por evoluir. ;)
K. Clara Branco a 2 de Setembro de 2016 às 10:38

Bem verdade, se fizessemos as coisas com mais paixão, certamente, seria muito diferente....
Maribel Maia a 2 de Setembro de 2016 às 11:09

Maribel é tão difícil motivar.
Cá em casa há a paixão dos livros, o entusiasmo escolar , o forrar e identificar um a um, os cadernos, todo o material, etc.
Quando falta um dia para dar inicio ao ATL ou à escola vem as dores de cabeça, a má disposição, uma tristeza bem profunda... God já levo anos disto e não consigo contornar.
F. a 5 de Setembro de 2016 às 09:02

Percebo perfeitamente... são os receios de quem inicia vidas novas todos os anos e de quem se esforça muito para crescer e aprender...
Para si, será um trabalho contínuo, dedicado e motivador!
Parabéns pelo empenho... consigo, para eles, é mais fácil!

F. a 5 de Setembro de 2016 às 14:02

Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
13
14
16
17

18
20
21
23
24

25
27
28
30


mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO