Com um olhar pluridimensional sobre a EDUCAÇÃO, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida... este é um convite para conversar sobre educação.

23
Jan 15

Os jogos de computador, as consolas de comandos interativos e as redes sociais conquistam muito do tempo das crianças e jovens de hoje… e os pais desesperam ao ver a quantidade de horas passadas em frente a estes ecrãs.

Cabe a estes educadores controlarem o uso destes aparelhos. Para o uso da internet existe software que auxiliam neste controlo, privando o acesso a sítios desaconselhado a crianças… nas redes sociais deve existir um alerta constante para os cuidados a ter na divulgação dos dados pessoais das crianças (nome completo, morada, fotografias, passwords, horários e rotinas).

Para os jogos de consolas deve dar-se atenção às orientações do fabricante principalmente nas recomendações sobre as idades indicadas a cada jogo.

Relativamente às horas de utilização destes equipamentos, impera o bom senso do educador e um controlo permanente. Para Cris Rowan (terapeuta ocupacional e pediatra), as crianças, entre os 3 e 5 anos, só devem estar em frente ao ecrã 1hora por dia e a partir dos 6 anos apenas duas horas diárias, tal como indica a tabela seguinte:

 

pc.jpg

 

 

 

 

publicado por Maribel Maia às 18:04

1 comentário:
Nunca gostei de jogos,nem em pequena eu gostava de brincar,aprendi a bordar aos cinco anos de idade e,desde aí,nunca mais parei de fazer os meus bordados,embora,hoje em dia,com trinta anos,tenha outras actividades para além dos trabalhos manuais!!
sandranadadeespecial a 24 de Outubro de 2016 às 20:59

Janeiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
17

18
20
21
22
24

25
26
28
29
31


mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO