Com um olhar pluridimensional sobre a EDUCAÇÃO, pretendo orientar educadores e estudantes neste caminho vivido tão intensamente... um caminho onde se ensina e se aprende em cada momento de vida... este é um convite para conversar sobre educação.

20
Jul 17

As férias de verão são, praticamente, três meses sem aulas, ou seja, sem educação formal, no entanto, eu sempre propus momentos de estudo, seja para fazerem os trabalhos propostos pela escola, que por norma as crianças do 1º ciclo trazem, seja alguns exercícios que relembrem a matéria dada.

As formas de estudar podem ser variadas e até divertidas… pode optar por utilizar jogos pedagógicos, comprando ou recorrendo às bibliotecas. Pode comprar os livros que algumas editoras propõem para férias… os estudantes mais crescidos podem optar por rever exercícios e matérias que considerem mais difícil ou que não conseguiram perceber em tempo de aulas.  Através da internet podem-se pesquisar temas que despertam o interesse maior dos estudantes e que os motive no conhecimento, por exemplo, Dinossauros ou Descobertas Científicas…

O estudo deve fazer parte da rotina semanal da criança ou jovem, podem sempre interromper para as semanas de férias que passam fora de casa, com a família.   

estudar (1).jpg

 

publicado por Maribel Maia às 12:13

17
Jul 17

 Já por cá debatemos a questão das férias de verão serem mais alargadas do que as da família e, se alguns pais têm o apoio dos avós, outros têm de recorrer a instituições para melhorar a qualidade das férias dos estudantes. Para esses, aqui ficam algumas propostas que podem optar, de acordo com objetivos pessoais e financeiros:

  • Campo de férias e ATL (atividades de tempos livres) organizam sempre dias temáticos de diversão e de aprendizagem;
  • Câmaras Municipais e Juntas de Freguesia também oferecem visitas, workshops e atividades variadas;
  • Os museus e jardins zoológicos da região também apresentam variadas ofertas e propostas;
  • Os shoppings, para além dos recintos dedicados aos pequenos, em tempo de férias aumentam e variam as ofertas de diversão;
  • Os clubes desportivos também apresentam momentos de diversão associados ao desporto e ao ar livre;

O importante é procurar na sua zona residencial, tornando o acesso mais facilitado e fazendo as escolhas de acordo com os gostos da família… no final da experiência ficam sempre as melhores recordações e boas aprendizagens…

feriasESCol.jpg

 

publicado por Maribel Maia às 15:04

13
Jul 17

Para as crianças e jovens, cozinhar é uma das tarefas domésticas, mas das mais divertidas… já muito pequeninos (3 ou 4 anos) adoram ajudar na cozinha a fazer coisas bastante simples mas motivadoras. Para além disso, quando a dedicação e o trabalho se concretiza em algo delicioso para se comer ou beber, torna-se ainda mais agradável concretizar tal atividade.
Por tudo isso, hoje a sugestão para estas férias são as visitas à cozinha, seja para ajudar na tarefa de cozinhar a refeição (os jovens podem ser encarregues de toda a confeção, sozinhos), seja numa manhã ou tarde de confeção de sobremesas… doces ou salgados!
Se quiserem prolongar esta tarefa para um grau maior de desenvolvimento, podem combinar um lanche, convidando um ou dois amigos, propondo ao estudante que concretize toda a preparação e gestão deste momento, sempre com a supervisão de um adulto.

crianlas_brownie.jpg

 

publicado por Maribel Maia às 09:15

10
Jul 17

Existem responsabilidades domésticas que os estudantes devem conseguir fazer diariamente e que devem sentir como responsabilidade, isso é muito importante para que a criança ou jovem perceba que as limpezas e arrumações pertencem a todos em casa, não é diferente de género nem de idade.
Muitas vezes os pais têm receio de propor tarefas domésticas às crianças, mais pequenas, que elas não estejam capazes de desenvolver, por esta razão, deixo-vos em imagem algumas propostas de tarefas que as crianças devem ser capazes de realizar, de acordo com a sua idade. Estes pequenos trabalhos devem estar incluídos nas rotinas diárias ou semanais em tempo de férias, também!

autonomia.jpg

 

publicado por Maribel Maia às 10:54

06
Jul 17

Em tempo de férias, os estudantes sentem que não têm obrigações reais diárias, querem apenas descansar, jogar e entreter-se… No entanto, cabe à família orientar rotinas e obrigações, para desenvolver outras formas de responsabilidade e de organização. Para isso, a minha proposta de hoje passa pela apresentação de um Horário a ser preenchido e definido entre estudantes e família, de forma a gerir melhor o tempo, entre diversão, estudo, descanso e tarefas domésticas… tudo isso de grande importância em tempo de férias.
Assim, em anexo, segue uma proposta de horário que poderão imprimir e preencher de acordo com os objetivos, o horário é passível de alteração e flexibilização… podem até refazê-lo semanalmente.
Ao utilizar esta definição de tempo estará a motivar o estudante a cumprir objetivos, aumentar o estimulo dos momentos de diversão e a desenvolver outras responsabilidades familiares.

Horário Semanal de Férias_2017.doc

 

publicado por Maribel Maia às 11:13

03
Jul 17

Como não podia faltar, tal como em anos anteriores, em tempo de férias, não irei escrever sobre os momentos em sala de aula… no entanto, como a educação deve continuar dentro de casa e nas mais variadas atividades. Nos próximos artigos, as propostas e as questões serão levadas para outros caminhos, também interessantes!
Assim, nos próximos Post’s poderá encontrar propostas variadas para entreter a pequenada, dentro e fora de casa, momentos de estudo, assim como, reflexões e inquietudes propostas, às quais o/a leitor já está habituado!

Venha visitar-nos e fazer os seus comentários e sugestões!

images edu (1).jpg

 

publicado por Maribel Maia às 11:31

Julho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
14
15

16
18
19
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


mais sobre mim
pesquisar
 
subscrever feeds
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO